Empresa inteligente: O que é, quais as características e por que você deveria aplicar essa técnica na sua academia, box ou estúdio 

Empresa inteligente: O que é, quais as características e por que você deveria aplicar essa técnica na sua academia, box ou estúdio 

Primeiro e antes de qualquer coisa: este blog não trata empresa inteligente – ou academia inteligente -como tradução de Smart Fit. Apesar de a franquia de low cost’s poder ser usada como estudo de caso para nosso tema, ela não é o foco.

O propósito deste artigo é simples: apresentar e esclarecer a você – gestor e/ou proprietário de uma academia, box ou estúdio e/ou profissional da educação física – o método de gestão que vai te permitir crescer sua empresa e ter qualidade de vida. Esses são, afinal, os resultados esperados quando se tem nas mãos uma empresa inteligente.

Se seu objetivo enquanto gestor é trabalhar menos sem perder a produtividade – muito pelo contrário, alcançando sempre melhores resultados – este é o modelo de gestão que deve ser empregado na sua empresa. 

Afinal, o que é uma empresa inteligente e quais são suas características?

Se você já fez essa pesquisa no Google, então deve ter se deparado com vários blogs que se sustentam sobre a mesma base: empresas inteligentes são aquelas que se baseiam em tecnologia para conseguir os melhores resultados e garantir a melhor operação. Sem sombra de dúvida isso não está errado, contudo o método GAP tem uma complementação a essa linha de pensamento.

Ele foi criado para o mercado fitness, com foco nos empresários e gestores e nesse pilar não seria diferente. Em ambas as interpretações, se espera o mesmo: melhorar resultados. Contudo – e pensando na construção de academias, box e estúdios – a GAP contempla que uma gestão inteligente envolve processos otimizados e depende do gestor

Em outras palavras, uma academia inteligente é aquela com processos tão bem estruturados que a equipe de colaboradores consegue dar conta de executá-los em qualquer situação. Você pode estar se perguntando onde você, enquanto gestor, se encaixa nisso e é muito simples: sem se preocupar com a execução das pequenas coisas, te sobra muito mais tempo para realmente gerir. Ou seja, planejar estratégias, entender onde sua empresa está acertando e errando, conhecer o mercado e se manter atualizado e capacitado em gestão.

Obviamente, isso envolve tecnologia: fica muito mais fácil ter e ler informações quando elas estão dispostas em uma plataforma digital que os contabiliza. Contudo, e isso fica muito claro na edição “Gestão financeira para academias: o que é, para que serve e como fazer“, enxergamos a gestão como algo que depende muito mais da capacidade do gestor em interpretar e usar aqueles dados, do que da capacidade do programa de ordená-las.

Resumindo a ópera: uma academia inteligente tem processos muito bem estruturados, uma equipe capacitada, treinada na cultura da empresa e um gestor preparado para interpretar dados e tomar as atitudes certas em relação a eles.

Quer conhecer a importância de se ter processos bem definidos? Então clique aqui.

Por que uma empresa inteligente dá resultados?

Compare essas duas situações: 

  1. O gestor da Academia está sempre no cangote de seus colaboradores. Esse é o único método que ele conhece para ter certeza de que tudo vai funcionar de acordo com sua ideologia e que todos estão onde deveriam, fazendo o que deveriam. Consequentemente, ele não tem tempo para se dedicar aos dados, para aprimorar suas habilidades e para avaliar o andamento da empresa.
  1. Enquanto isso, na Academia B, os colaboradores independem do gestor. Eles estão com as rédeas dos processos e sabem exatamente onde são necessários e quando. Mais do que isso: estão engajados com esse propósito. Enquanto isso, o gestor tem tempo para dedicar sua atenção ao que deve ser feito para que os resultados continuem melhorando.

Analisando esses casos, percebe-se que a maior diferença entre eles é onde o gestor concentra sua energia. Traçar um objetivo é como traçar uma rota entre o ponto A e o ponto B, onde você nunca esteve e não sabe como chegar. Se você não tem um mapa, um caminho para seguir, é certeza que você vai se perder. 

Mas para criar essa rota você precisa saber onde está e onde quer chegar e, na gestão, isso fica impossível se não há dados que embasam ou conhecimento sobre como fazer dar certo. E para adquirir isso, é preciso tempo para dedicação e aperfeiçoamento. 


Como o ser humano não consegue estar em vários lugares ao mesmo tempo, dedicando igual atenção a duas ou mais atividades, é normal se estabelecer uma hierarquia que vai favorecer o fazer acontecer e não o como fazer acontecer. E é aí que está a diferença entre uma academia comum – que luta para manter as portas abertas, atingindo sempre o mínimo de resultados – e uma academia inteligente, que sob a orientação de um gestor que sabe o que está fazendo, cresce continuamente.

As vantagens para o gestor

A academia não é a única que se beneficia de uma gestão inteligente. Ser capaz de se desprender dos processos abre um universo de possibilidades para você, o gestor. Além do tempo extra para se capacitar e aprimorar, não ser indispensável ao funcionamento básico da empresa garante muito mais horas para você cuidar de si próprio enquanto pessoa, além dos recursos para você ter certeza de que vai aproveitar isso.

Ficar com a família, cuidar da saúde, viajar, se divertir, coisas que podem parecer completamente impossíveis quando se gere uma academia que depende completamente da sua presença para funcionar. No entanto, o cenário é outro quando seu papel enquanto gestor pode ser realizado dentro de 40h semanais ou menos. 

Tendo nas mãos uma academia inteligente, um gestor pode ter finais de semana, férias e folgas. Além de saúde física e mental e não se sentir estressado em todas as horas do dia. 

Conclusão

Ter uma empresa inteligente não é algo que se desenvolva naturalmente. É o gestor quem deve tomar a atitude de dar início aos procedimentos necessários: planejar e estruturar os processos, capacitar e preparar a equipe para que ela seja capaz de botá-los em prática e ter confiança no próprio trabalho e nos colaboradores para se desprender da rotina. 

Não é algo fácil ou rápido, demanda paciência, esforço e sacrifício. Não é algo que se faz esperando resultados a curto prazo, na verdade, a situação pode ficar muito ruim antes de se ajustar e você começar a ver a diferença. Contudo, se colhemos o que plantamos, sua safra será de resultados positivos, metas batidas e qualidade de vida. 

Quer aprender a ter resultados de verdade com sua academia, box ou estudio? Conheça o GAP One DAY, o melhor eventos em gestão fitness do Brasil.

Deixe seu comentário:

Siga-nos nas redes sociais!

Por lá, temos outros conteúdos transmitidos gratuitamente. Para acessar, siga a GAP Group em sua rede social preferida.

Últimos posts

Nosso Facebook

Nosso último GAPCAST